Nova Era dos Apps: Uber e Movida passam a oferecer os Tuk Tuks elétricos como mais um transporte


Uber e locadora de automóveis Movida anunciaram uma parceria para para transportar passageiros em Tuk-tuk, que raramente é visto no País.

A cidade escolhida escolhido para receber a novidade foi Vitória, no Espírito Santo. Mas o que será inédito em terras brasileiras já faz parte do cotidiano de cidadãos em muitas outras partes do mundo, como por exemplo Índia e outros países do sudeste asiático.

É o primeiro do tipo no país a circular por aplicativo, dizem as empresas.


A leveza, o baixo custo e a praticidade estão levando os tuk-tuks a conquistar o mundo. Em Portugal, por exemplo, eles já são usados em muitas cidades turísticas. Na África, o transporte também tem vários países entre os fãs. Na América do Sul, encontramos muitos no Peru.



Os tuk-tuks elétricos são uma opção mais barata para a capital capixaba e foram desenvolvidos para “reforçar a oferta de mobilidade neste início de ano, quando há aumento de demanda na cidade”.


A viagens podem ser solicitadas por meio do próprio aplicativo Uber e os veículos já estão disponíveis aos motoristas interessados em dirigir pela plataforma. Além disso, os passageiros terão as mesmas opções de pagamento oferecidas em viagens de carro: direto pelo aplicativo ou com dinheiro.


Elétricos, os triciclos pertencem à Movida e têm capacidade para transportar até dois passageiros. Para incentivar os motoristas a dirigirem pela plataforma com a nova opção de transporte, a locação de tuk-tuk será gratuita nos três primeiros dias. Se o motorista desistir do aluguel até o início do quarto dia, nenhum valor será cobrado.


O valor mensal que a Movida está alugando os TukTuks para motoristas cadastrados no Uber, sai por R$ 980 mensais, e os clientes da empresa de transporte por aplicativo terão uma tarifa menor do que a modalidade com carro. Os veículos são todos elétricos e atingem até 35 km por hora. Estão emplacados e seguem a legislação de trânsito brasileira. Os motoristas do aplicativo precisam ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH) A ou AB para pilotar o triciclo. A Movida estima que motorista terá um gasto na conta de energia elétrica residencial em torno de R$250 por mês para fazer a recarga do veículo. A ação das empresas, por ora, está limitada na cidade litorânea. Os usuários da Uber serão atendidos nos bairros Mata da Praia, Jardim da Penha, Santa Lúcia e Santa Helena. Na média, as viagens de Tuk-tuk são 19% mais baratas do que com carros, com base em simulações de viagens no aplicativo do Uber, nesta quinta-feira.





O modelo elétrico começou a rodar na capital capixaba nesta quarta feira (20/01/2020), depois de um ano e meio de conversas e testes desenvolvidos pela Uber e a Movida, e a empresa fornecedora dos TukTuks, a Cicloway.


Entre todas as modalidades oferecidas pelo aplicativo de transporte da cidade, essa será a mais barata para o usuário.

Silvia Penna, gerente de operações da Uber, se diz animada com a novidade. "Os veículos são abertos, o que tem tudo a ver com o clima do litoral capixaba, e vão oferecer uma experiência inédita para os brasileiros, que está acontecendo nesses primeiros meses do ano, quando as temperaturas estão altas e o número de viagens aumenta nessa região da cidade", diz.


A modalidade elétrica está cada vez mais tomando espaço nas ruas brasileiras.

Empresas como Uber e Movida enxergaram nessa modalidade uma forma de inovação, ligado ao "mundo mais verde" que estamos hoje.


Se você também enxerga assim, entre em contato com a Web-Electrics pois temos dentro do nosso portfolio, opções super interessantes para aluguéis dos Tuk tuks elétricos, scooters elétricas e muito mais para a logistica do seu negócio a preços bem interessantes.


#tuktuk #uber #movida #economia #eletricos #mobilidade #logistica

6 visualizações

Web-Electrics   -   CNPJ 07.366.218/0001-03

Rua Haddock Lobo, 1327 - 3 andar - Jd. Paulista - São Paulo - SP

Whats: +55 11 98122 56 52

©2019 por Web-Eletrics. Orgulhosamente criado com Wix.com